Seguir por Email

Você é o visitante:

Obrigado pela visita
Ocorreu um erro neste gadget

Seguidores

NEOBLOGGER. Tecnologia do Blogger.

postheadericon Jesus está voltando

Jesus está voltando!

O que essa afirmação causa de impacto na sua mente e em seu coração? Ela traz pensamentos de medo, espanto e pavor? Traz esperança de redenção e saudade do céu? Ou um sentimento frio de que isso seja apenas uma utopia cristã? Como temos aguardado a volta do Senhor, se é o que o temos?
Sem querer entrar necessariamente na questão escatológica no que se refere a tempos e datas; a formas de percepção da volta de Jesus e às linhas teológicas que tratam do assunto; fato é que Jesus realmente está às portas. Logo o veremos vindo sobre as nuvens ou ouviremos a sua voz a nos chamar. A Bíblia nos afirma em vários textos que a volta do Senhor Jesus é certa e será repentina, pegando muitos de surpresa. O Evangelista Mateus nos diz o seguinte: Porque, assim como o relâmpago sai do oriente e se mostra até no ocidente, assim há de ser a vinda do Filho do Homem. (Mateus 24:27) O médico e evangelista Lucas, escrevendo os Atos dos Apóstolos afirmou que: Esse Jesus que dentre vós foi assunto ao céu virá do modo como o vistes subir. (Atos 1:11) Ainda o Apóstolo Pedro afirma que o Dia do Senhor “Virá, entretanto, como ladrão...” (II Pedro 3:10) Todas essas afirmações sobre a volta de Jesus mostram de maneira muito clara que este Dia está para se cumprir sobre a Igreja.
No entanto, muitos cristãos creem erroneamente que essa é uma realidade muito distante de nós e, por conta disso, vivem o seu cristianismo de forma completamente desregrada, guiados pelos seus achismos e por suas interpretações superficiais das Escrituras.
O Apóstolo Pedro, em sua segunda carta, no capítulo 3 nos exorta a aguardarmos a segunda vinda do Senhor Jesus da maneira correta. Uma vez que compreendemos a volta do Senhor como sendo nossa redenção final, a libertação completa do cativeiro do pecado e a nossa união final e eterna com o nosso Senhor e Salvador, devemos, não apenas aguardar passivamente a sua volta para nos encontrarmos com Ele; mas também, trabalharmos esperançosos para apressarmos esse encontro. (II Pedro 3:12)
Ao lermos II Pedro 3 percebemos a preocupação do Apóstolo em que os crentes sejam encontrados fiéis e no dia da volta do Senhor. De acordo com o texto, a primeira atitude com respeito à volta de Jesus é Deixar de lado o comodismo: (V.14: Por essa razão, pois, amados, esperando estas coisas, empenhai-vos por serdes achados por ele em paz, sem mácula e irrepreensíveis,...) Isso significa que não podemos e nem devemos nos valer da salvação em Cristo como ferramenta de estagnação espiritual. É preciso compreender que fomos salvos para as boas obras (Efésios 2:10) e isso é completamente incompatível com o conformismo e com a apatia em que muitos cristãos tem vivido. Assim Pedro propõe buscar emprenhar-se na vida cristã para ser achado em paz, esforçando-se por viver longe do pecado e de maneira irrepreensível.
Em segundo lugar, o Apóstolo Pedro propõe que devemos aguardar a vinda do Senhor Firmes na Promessa: (V.9: 9- Não retarda o Senhor a sua promessa, como alguns a julgam demorada; pelo contrário, ele é longânimo para convosco, não querendo que nenhum pereça, senão que todos cheguem ao arrependimento.) A volta de Cristo não é um mero conceito humano, mas uma promessa do próprio Senhor Jesus, que nos afirma que virá sem demora (Apocalipse 2:16; 3:11; 22:7;12;20). Por isso é necessário analisar as Escrituras com sabedoria, dando o devido crédito à Palavra de Deus.
Por fim, o Apóstolo do Senhor nos exorta que devemos aguardar a vinda do Senhor Crescendo Espiritualmente: (V.18: ...antes, crescei na graça e no conhecimento de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. A ele seja a glória, tanto agora como no dia eterno.) Tem muitos crentes cujo ápice de sua vida cristã é a conversão e daí pra frente sua vida espiritual arrefece, a ponto de muitos estarem mais aptos ao serviço cristão nos dias do calor do primeiro amor do que nos anos posteriores à conversão, mesmo depois de ter ouvido muitos sermões, de ter participado de incontáveis aulas de Escola Bíblica e participado de algumas reuniões de oração. É preciso aguardar ao Senhor com um crescimento espiritual constante como nos ensina o profeta em Oséias 6:3. Destaco ainda que o crescimento na graça é superior ao conhecimento carnal. O carnal traz comparação e julgamento, a graça traz misericórdia e arrependimento. Nesse processo de conhecer a Cristo, a sua vontade, seus preceitos e seus propósitos para nossa vida. (Ver ainda: Efésios 4:15 e Filipenses 2:12).
A vinda do Senhor é certa. Não sabemos o dia nem a hora, mas a Bíblia nos garante que Jesus virá outra vez. Que cada um de nós seja encontrado em paz, vivendo de maneira reta e santa na presença d’Ele, longe dos enganos dos insubordinados e, crescendo sempre na Graça e no conhecimento de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo (II Pedro 3:18).
Que possamos aguardar nosso encontro com o Senhor das nossas vidas, cheios de esperança e alegria no coração, dizendo: Maranata, vem Senhor Jesus. Em Cristo Jesus. A quem seja toda a Glória, Honra e Louvor por toda a eternidade. Amém.

Rev. Alessandro Capelari
Igreja Presbiteriana do Jardim Alvorada
Programa O Caminho da Vida

CONHEÇA A PL 122.

NÃO À PL 122

IPB JD. ALVORADA

Igreja Presbiteriana do Jardim Alvorada

O CAMINHO DA VIDA

Programa O Caminho da Vida

IGREJA PRESBITERIANA

Igreja Presbiteriana do Brasil - 150 anos